quarta-feira, 22 de novembro de 2017

Frango à Serrana

Esta receita é da minha avó. Já andava para lha pedir há imenso tempo, um dia destes finalmente lembrei-me do fazer, e ainda bem!

A minha avó cozinha a olho, por isso quantidades é complicado, mas tomei nota de tudo o que me disse e adaptei. Na versão tradicional e como ela faz, o vinho não se junta logo no começo, pois ela vai estando ali de volta do tacho e mais para o fim, quando está a ficar seco é que junta o vinho. Por este motivo também não é preciso deixar reduzir o molho, pois juntamos o vinho à medida da necessidade.

Nesta fase da minha vida não tenho disponibilidade para estar 1 hora de volta dum tacho, mexendo e espreitando a toda a hora, por isso simplifiquei, usando a CC e colocando um pouco de líquido no começo para não correr riscos. O que importa é que no fim das contas o resultado é igual e o sabor está lá, mas não lhe digam nada!!

Este prato fica muito bem com puré de batata, mas como aqui em casa não há muitos fãs, acabo por raramente fazer. Acompanhei com arroz.

Vou deixar-vos as duas versões, mas eu de certeza que farei com a CC!!


Ingredientes:

1 frango em pedaços ( pode ser com ou sem pele)
sal
pmenta
louro
5 dentes de alho
1 cebola
100mL de vinho branco
1 raminho de salsa
70 g de margarina

Preparação na CC:

Temperar o frango com sal, pimenta, os alhos em pedaços, a cebola em pedaços e o louro.



No copo colocar o acessório misturador e acrescentar todos os ingredientes. Escolher o programa de cozedura lenta P2, 95 ºC, 50 minutos com a tampa de vapor na posição máximo.




No fim do tempo retirar o frango e apurar o molho, escolhendo o programa de cozedura lenta P1, 130 ºC, 15 minutos. Coar o molho para cima do frango.









Preparação Tradicional:

Colocar todos os ingredientes num tachinho, menos o vinho ( sim vai assim em seco) , tapar e colocar em lume brando. Ir mexendo de vez em quando. O frango cozinha no vapor que se forma no tacho. 

Quando estiver a ficar seco, próximo do fim da cozedura, juntar vinho branco a gosto e terminar de cozinhar.

22 comentários:

  1. Gosto muito de receitas de família por isso é óbvio que vou rapinar, se não te importares claro! Beijinhos

    ResponderEliminar
  2. Cá por casa gostamos imenso de frango e esta sugestão está fantástica!
    Tenho que experimentar!
    Beijinhos.

    ResponderEliminar
  3. Adoro receitas de família,....tens o mesmo problema que eu. Se peço uma receita à minha mãe ela nunca sabe quantidades, pois é tudo a olho e assim torna-se difícil :)
    Beijinhos,
    Espero por ti em:
    strawberrycandymoreira.blogspot.pt
    http://www.facebook.com/omeurefugioculinario
    https://www.instagram.com/marysolianimoreira/

    ResponderEliminar
  4. Receita de avó só pode ser muito boa! :) Pelo aspecto e ingredientes está mais que aprovado. :) Beijinhos
    --
    O diário da Inês | Facebook | Instagram

    ResponderEliminar
  5. Uma sugestão maravilhosa, adorei!
    Beijinhos.
    http://www.opecadomoraemcasa.eu/

    ResponderEliminar
  6. Uma receita de família adaptada aos novos tempos... Perfeito! :D
    Beijinho
    Joana

    ResponderEliminar
  7. Reconfortante! Adoro pratos assim bem familiares ;)
    Beijinho

    Blogue Recanto com Tempero

    ResponderEliminar
  8. Já deves saber que eu adoro frango e estou sempre à procura de sugestões para esta carne. Adorei a tua receita. Cá em casa, com toda a certeza, seria bem aceite. Por isso, levo a receita comigo ;)
    Beijinhos
    Cláudia

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Experimenta Cláudia, eu cresci a comer este prato, sempre adorei! :)

      Beijinhos Ana

      Eliminar
  9. Isto parece-me uma excelente receita de frango, sem dúvida :)
    Blog Guloso qb ... Carla Ramalho

    ResponderEliminar
  10. As receitas das avós têm tudo para correr bem. O nome é giro e a confecção é fácil. Hei-de experimentar. Beijinhos

    ResponderEliminar